Treinamento de LGPD para colaboradores: como fazer!

Treinamento de LGPD para colaboradores: como fazer!
4 minutos de leitura

A proteção de dados é um assunto sério, ainda mais quando vivemos a era digital e da informação. As empresas têm cada vez mais acesso a dados importantes dos clientes, e o vazamento dessas informações pode acarretar riscos para o indivíduo e o negócio. Por isso, é crucial investir em um treinamento sobre LGPD para a sua equipe, além de ter o suporte de soluções confiáveis.

Além de entender a importância dos cuidados com esse tipo de ativo, o treinamento ainda qualifica os profissionais a lidarem com situações específicas que podem oferecer riscos ao banco de dados da empresa. Quer saber mais sobre o assunto? Então, continue a leitura e fique de olho!

O que é a LGPD?

A Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) foi criada em 2020 e começou a vigorar em 18 de setembro do mesmo ano. Seu principal objetivo é garantir que existam diretrizes claras e objetivas sobre a coleta, o processamento e o armazenamento de dados pessoais de qualquer usuário.

Sua principal inspiração veio da Europa. A lei usou a General Data Protection Regulation (GDPR), da União Europeia, para definir os principais aspectos da nova legislação. Isso tudo tem um impacto significativo na maneira como as empresas e os consumidores coletam e fornecem seus dados.

Qual é a sua função?

A função geral da LGPD é garantir a segurança e proteção dos dados de uma pessoa que precisa fornecê-los, por qualquer razão, a uma empresa. Isso é realizado por meio de medidas como:

  • assegurar que os dados pessoais de cada usuário tenham o direito de proteção à privacidade;
  • estabelecer regras que deixem claro o que pode e o que não pode no tratamento de dados pessoais;
  • fortalecer a segurança das relações jurídicas e ao titular do processamento dos dados;
  • permitir a atividade econômica e a concorrência, mesmo com a portabilidade dos dados.

Qual é a importância do treinamento sobre LGPD?

treinamento da equipe em LGPD

Diante da relevância que a LGPD tem na rotina de qualquer empresa, a melhor forma que existe de preparar a equipe para lidar adequadamente com ela é por meio de treinamentos. Isso vai evitar o mau uso e outros incidentes de segurança que possam ocorrer em função do desconhecimento.

Para que todo colaborador saiba como respeitar o direito à proteção dos dados dos usuários, ele precisa conhecer esses direitos. E são os treinamentos que proporcionarão essa conscientização e evitarão erros simples nos processos diários.

Isso é fundamental para evitar várias sanções administrativas que podem ocorrer em caso de descumprimento da lei. Desde advertências até multas diárias, as consequências podem ser desastrosas para a empresa. Em casos específicos, pode haver a proibição total ou parcial das atividades de tratamento dos dados da companhia.

Quais são os seus benefícios?

Por outro lado, seguir a LGPD como ela deve ser feita proporciona benefícios para o negócio, assim como investir em treinamentos que qualifiquem suas equipes para incluir boas práticas nesse sentido. Fazem parte disso:

  • a melhora do relacionamento com o cliente;
  • o ganho de confiança entre o público e a empresa;
  • o aumento da segurança jurídica;
  • a proteção à reputação da marca;
  • a garantia de ética profissional;
  • a criação de um verdadeiro diferencial competitivo.

Gostou? Então, vamos entender melhor como você pode levar isso para a prática.

Calendário do RH e DP 2024

Como fazer esse treinamento com os colaboradores?

Primeiramente, não existe nenhuma fórmula para fazer com que o treinamento seja eficiente. Na verdade, cada pessoa aprende de um jeito, e, por isso, é importante aderir a diferentes formatos de conteúdos, como:

  • palestras;
  • vídeos;
  • podcasts;
  • informativos via e-mail;
  • postagens nas redes sociais;
  • e-books e afins.

Uma maneira dinâmica e eficiente de colocar isso em prática, por exemplo, é por meio da gamificação. Assim, além do conhecimento teórico, os colaboradores praticam o que aprenderam e acumulam pontos por isso, avançando entre as fases.

Além disso, é importante ter em mente que o aprendizado sobre a LGPD é, basicamente, pautado no método de repetição. É preciso fazer a mesma coisa várias vezes até que isso se torne automático para a equipe. É claro que isso vai depender de uma série de iniciativas que deem embasamento para essas repetições, como:

  • um material didático fácil de ser compreendido, com termos simples e exemplos práticos;
  • um material e-learning interativo, que permita interagir com os conhecimentos abordados de forma presencial ou a distância;
  • a promoção de palestras que sanem as principais dúvidas dos colaboradores;
  • o compartilhamento de dicas, informações e novidades referentes à LGPD;
  • a criação de um projeto de gamificação, com assuntos abordados na LGPD.

Depois de incorporar essas soluções, não se esqueça de medir os resultados. Isso é o que vai permitir que você compreenda se os recursos e esforços investidos estão sendo direcionados para a área certa e quais são as carências que ainda precisam ser resolvidas.

Para fazer essa análise, você pode adotar testes de aprendizado e avaliação de eficácia, por exemplo. Além disso, é bastante interessante aplicar uma pesquisa de satisfação em relação ao treinamento, permitindo que as equipes evidenciem os pontos mais fortes e fracos do programa.

Como analisar a necessidade desses treinamentos?

Os treinamentos relativos à LGPD são fundamentais e indispensáveis para qualquer negócio. Então, se a sua empresa nunca realizou nenhuma preparação nesse sentido, é hora de começar a pensar nos primeiros passos e planejar essa iniciativa.

Agora, para identificar o momento ideal de oferecer essa capacitação, pode ser interessante usar algumas ferramentas específicas, como o Levantamento de Necessidade de Treinamento (LNT). Ele vai ajudar a entender melhor quais são as principais carências da equipe e onde a sua performance está deixando a desejar.

Desse modo, você consegue priorizar aqueles treinamentos mais urgentes e planejar os investimentos de forma mais inteligente. Em outras palavras, o LNT vai apontar os treinamentos com maior capacidade de retorno e que prepararão o ambiente para receber os demais.

A LGPD é um recurso fundamental para que todo cidadão possa usufruir do seu direito de manter a privacidade dos dados pessoais. Desse modo, é crucial que a empresa garanta que um usuário que confiou a ela os seus dados não tenha essas informações expostas.

A segurança da informação é um dos principais instrumentos para auxiliar na proteção dos dados, porém ela não consegue atingir esse objetivo sozinha. Por esse motivo, é necessário realizar treinamento sobre LGPD, reforçando a importância do tratamento correto de dados pessoais, evitando prejuízo financeiro ou à imagem da empresa.

Se você gostou desse artigo, continue seu aprendizado com nossa biblioteca de conteúdo completa!

Super KIT do Recrutamento e Seleção 2024
Não perca mais nenhuma novidade!

Cadastre-se na nossa newsletter e fique por dentro das novidades!