Gestão de pessoas Sem Categoria

5 dicas para usar o PDI como máquina de alta performance

Fortes Tecnologia apresenta como fazer um pdi
Escrito por Élida Almeida
Publicado em: 21/05/2019 Tempo estimado de leitura: 3 minutos

Sabemos que muitas vezes se encontrar em uma profissão não é nada fácil, pois muitos profissionais logo se desmotivam e o principal desafio da gestão é manter alto o nível de satisfação desses colaboradores e desenvolve-los voltados para resultados. Existem algumas estratégias para isso e uma delas é o PDI, o que muitos já ouviram falar, mas se perguntam – como fazer um bom PDI?

Um PDI bem feito é capaz de acelerar o processo de crescimento do profissional e fazer a empresa alcançar resultados absurdos, ou seja, é bom para os dois lados.

Qual o objetivo e como fazer um PDI?

O Plano de Desenvolvimento Individual é usado como ferramenta fundamental para uma boa gestão de talentos e ajuda a impulsionar carreiras, facilitando o acompanhamento do crescimento profissional dos colaboradores.

Ele ajuda na gestão de pessoas e facilita para que as empresas possam criar times cada vez mais com alta performance e motivado.

Baseado na estratégia de Plano de Desenvolvimento Individual, preparei 5 dicas para que você possa aplicar no seu setor ou na sua empresa da melhor forma possível. Então vamos lá!

1) Defina a missão do cargo do seu colaborador

A missão precisa ser clara e bem direcionada, será o farol que irá nortear as entregas de cada cargo. É fundamental ser pensada em um primeiro momento para que assim as expectativas da empresa fiquem claras e alinhadas as atividades de cada profissional.

Essa definição faz com que o seu colaborador não tenha dúvidas sobre seu trabalho a ser realizado e não fique desmotivado ao pensar que está fazendo tarefas totalmente diferentes do que ele esperava realizar.

2) Elabore uma descrição de cargo de primeira qualidade

Depois da missão ser pensada, chegou a hora de pensar nas competências que o colaborador precisa ter para suprir a necessidade daquele cargo.

 Qualificação, competências técnicas e comportamentais bem definidas vão tornar muito mais rico a base que o colaborador precisa ter para construir uma boa carreira de crescimento e vai permitir que ele tenha um melhor entendimento das suas entregas.

Com a análise dessas competências de forma estratégica o gestor poderá sem dúvidas ter muito mais insumos para proporcionar o crescimento dos colaboradores.

Outro ponto importante sobre essa elaboração, é que você poderá saber de forma mais transparente quais competências o colaborador ainda não possui e poderá dar um foco especial nelas.

3) Defina as macro atividades

As macro atividades são as principais atribuições que serão de responsabilidade do colaborador e vai permitir que o profissional tenha um entendimento mais claro sobre o que ele precisa performar. Vai proporcionar um planejamento muito mais assertivo e consequentemente permitir que as entregas sejam mais estratégicas e não de forma aleatória.

4) Construa um belo plano de ação

O Plano de ação é como um bastão passando a responsabilidade sobre o futuro nas mãos do próprio colaborador.

Acordado entre as partes, vai nortear o caminho a ser seguido pelo profissional e com um plano bem elaborado ele poderá obter resultados com mais autonomia e segurança gerando consequentemente uma maior satisfação.

Para que um plano funcione de maneira eficiente, é importante obter prazos para cada ação estipulada, assim irá contribuir para mudar o comportamento levando mais motivação ao dia a dia do profissional.

5) Estabeleça metas

As metas devem ser construídas com base no objetivo de elevar ao máximo, a capacidade de entrega do profissional onde ele irá assumir o controle das suas ações e investir seu tempo e esforço para trabalhar aquilo que será melhor pra ele.

Nesse momento ele já enxergará uma visão de futuro e seus sonhos de carreira, o que é muito bom para motivar e gerar um autoconhecimento maior sobre ele mesmo.

E aí! O que você achou dessas dicas? Quer aplicar o PDI adequadamente com seu o time? Confira este modelo de Plano de Desenvolvimento Individual que eu preparei para você. A planilha é gratuita, aproveite!

5 dicas para usar o PDI como máquina de alta performance 1Powered by Rock Convert

Sobre o autor

Élida Almeida

Deixar comentário.

Compartilhar