Fluxo de Caixa Descontado (FCD): como fazer o cálculo por esse método?

Fluxo de Caixa Descontado (FCD): como fazer o cálculo por esse método?
6 minutos de leitura

O fluxo de caixa descontado (FCD) é uma importante ferramenta para os contadores. Com ele, é possível avaliar o valor presente de investimentos ao longo do tempo. Essa ferramenta é importante para orientar as empresas nas tomadas de decisões e, para isso, dominar o cálculo do FCD é crucial. 

Neste artigo, vamos desbravar os fundamentos do fluxo de caixa descontado, guiando você passo a passo por meio do processo de projeção de fluxos de caixa e como fazer o cálculo. Siga a leitura para saber mais!

O que é e para que serve o fluxo de caixa descontado?

O fluxo de caixa descontado é uma técnica de avaliação financeira utilizada para estimar o valor presente de uma série de fluxos de caixa futuros. Essa técnica é comumente empregada em análises de investimentos, avaliações de empresas e na precificação de ativos financeiros. 

O objetivo principal do FCD é determinar o valor atual de um investimento com base nos seus benefícios financeiros futuros, considerando o conceito de valor do dinheiro no tempo.

Como funciona esse método

A ideia fundamental por trás do fluxo de caixa descontado é que o dinheiro disponível hoje tem mais valor do que o mesmo montante de dinheiro em algum ponto futuro. Isso ocorre porque o dinheiro pode ser investido e render juros ao longo do tempo. Portanto, é necessário descontar os fluxos de caixa futuros para refletir o seu valor presente.

Quando usar o fluxo de caixa descontado?

Essa ferramenta pode ser usada em diversos cenários em uma empresa. Acompanhe!

Avaliação de investimentos

O FCD é amplamente utilizado na avaliação de projetos de investimento. Ele ajuda a determinar se um investimento gera um retorno suficiente para justificar o desembolso de capital inicial.

Precificação de empresas

Investidores e analistas utilizam o FCD para avaliar o valor intrínseco de uma empresa. Isso pode ser útil em processos de fusões e aquisições, venda de ações ou para tomada de decisões estratégicas.

Análise de projetos de negócios

Empresários e gestores podem usar o FCD para analisar a viabilidade financeira de novos projetos ou expansões.

Avaliação de ativos financeiros

O FCD pode ser aplicado na precificação de ativos financeiros, como títulos e ações, por exemplo.

Decisões de financiamento

Ao analisar opções de financiamento, o FCD pode ser útil para avaliar o custo efetivo do capital e tomar decisões informadas sobre a estrutura de capital.

Como fazer o cálculo do fluxo de caixa descontado?

O cálculo do Fluxo de Caixa Descontado (FCD) envolve algumas etapas importantes:

1. Projeção do Fluxo de Caixa:

  • Comece projetando os fluxos de caixa futuros da empresa ou do ativo em questão. Isso inclui a estimativa de receitas, custos e despesas para cada período de tempo relevante (trimestres, anos, etc.).
  • É crucial ser realista e preciso nas projeções, utilizando dados históricos, análises de mercado e cenários plausíveis para o futuro.
  • Ferramentas como planilhas eletrônicas e softwares de análise financeira podem auxiliar na organização e manipulação dos dados.

2. Definição da Taxa de Desconto:

  • A taxa de desconto representa o custo de oportunidade do capital, ou seja, o retorno que o investidor poderia obter em outro investimento de risco similar.
  • Diversos fatores influenciam a taxa de desconto, como o risco do negócio, o perfil do investidor e as condições de mercado.
  • Métodos como o CAPM (Capital Asset Pricing Model) e o WACC (Weighted Average Cost of Capital) podem ser utilizados para calcular a taxa de desconto adequada.

3. Cálculo do Valor Presente Líquido (VPL):

  • O VPL é a soma dos fluxos de caixa futuros descontados, e representa o valor presente de um investimento.
  • A fórmula para calcular o VPL é:

VPL = Σ (FCt / (1 + r)^t)

Onde:

  • FCt = Fluxo de caixa no período t
  • r = Taxa de desconto
  • t = Período de tempo
  • Softwares e planilhas eletrônicas facilitam o cálculo do VPL, permitindo a análise de diferentes cenários e projeções.

4. Interpretação do VPL:

  • Se o VPL for positivo, o investimento é considerado viável, pois indica que o valor presente dos fluxos de caixa futuros supera o investimento inicial.
  • Se o VPL for negativo, o investimento não é recomendado, pois indica que o valor presente dos fluxos de caixa futuros é menor que o investimento inicial.
  • O VPL também pode ser utilizado para comparar diferentes investimentos e escolher aquele com o maior retorno potencial.

5. Considerações Importantes:

  • O FCD é uma ferramenta poderosa para avaliar investimentos, mas é importante considerar suas limitações.
  • As projeções de fluxo de caixa e a taxa de desconto são estimativas, e a acurácia do FCD depende da qualidade dessas estimativas.
  • Outros fatores, como o valor residual do ativo e a qualidade da gestão da empresa, também devem ser considerados na avaliação de investimentos.

Recursos Adicionais:

  • Para aprofundar seu conhecimento sobre o FCD, diversos recursos estão disponíveis online e em livros especializados.
  • Cursos e tutoriais também podem ser úteis para aprender a calcular e interpretar o FCD.
  • A prática é fundamental para dominar a técnica do FCD e utilizá-la de forma eficaz na avaliação de investimentos.

Exemplos de Cálculo do FCD:

  • Imagine um investimento com um fluxo de caixa projetado de R$ 10.000 por ano durante 5 anos, e uma taxa de desconto de 10%. O VPL desse investimento seria:

VPL = 10.000 / (1 + 0,1)^1 + 10.000 / (1 + 0,1)^2 + … + 10.000 / (1 + 0,1)^5 = R$ 41.044,12

Como o VPL é positivo, o investimento é considerado viável.

Vale ressaltar que o cálculo do fluxo de caixa descontado pode mudar partindo desse exemplo básico. Por isso, é comum encontrar alguma diferença entre nomenclaturas e fórmulas. Porém, o princípio sempre partirá do mesmo.

Quais as vantagens do fluxo de caixa descontado?

Entre as vantagens do fluxo de caixa descontado podemos citar as listadas abaixo.

banner-artigo-blog-calendario-de-obrigacoes-fiscais-2024

Consideração do valor do dinheiro no tempo

Uma das principais vantagens do FCD é que ele leva em conta o valor do dinheiro no tempo, refletindo a ideia de que um montante de dinheiro hoje é mais valioso do que o mesmo montante no futuro.

Avaliação de investimentos a longo prazo

O FCD é especialmente útil para avaliar investimentos que geram fluxos de caixa ao longo de vários períodos, permitindo uma análise mais abrangente e realista.

Adaptação a diferentes cenários

Pode ser ajustado para acomodar diferentes cenários, incorporando variações nas projeções de fluxo de caixa e nas taxas de desconto. Isso permite uma análise de sensibilidade, ajudando a compreender o impacto das mudanças nas variáveis-chave.

Comparação de investimentos diversos

Facilita a comparação entre investimentos diversos, uma vez que converte os benefícios financeiros futuros em valores presentes, possibilitando uma análise mais equitativa.

Tomada de melhores decisões

Fornecendo um Valor Presente Líquido (VPL) como resultado, o FCD ajuda na tomada de decisões informadas sobre a viabilidade financeira de um investimento.

Quais as desvantagens do fluxo de caixa descontado?

Entre as desvantagens do FLD, temos o seguinte.

Dependência de estimativas futuras

O FCD depende de estimativas precisas dos fluxos de caixa futuros, o que pode ser desafiador, especialmente em cenários complexos ou para projetos de longo prazo.

Sensibilidade à taxa de desconto

A escolha da taxa de desconto é crucial, e pequenas variações nesse parâmetro podem ter um impacto significativo nos resultados. A determinação da taxa de desconto é, por vezes, subjetiva e pode variar entre analistas.

Desconsideração de fatores não financeiros

O FCD se concentra principalmente em aspectos financeiros e pode não considerar fatores não financeiros, como aspectos ambientais, sociais ou políticos, que também podem influenciar a viabilidade de um investimento.

Assunção de fluxos de caixa constantes

O modelo assume, muitas vezes, que os fluxos de caixa futuros serão constantes, o que pode não ser realista em certas situações de negócios que enfrentam variações significativas.

Ignora Impactos de mudanças no mercado

O FCD pode não capturar completamente os impactos de mudanças no mercado, eventos imprevistos ou grandes perturbações econômicas que podem afetar as projeções de fluxo de caixa.

Dificuldade em avaliar ativos intangíveis

Avaliar ativos intangíveis, como a reputação da empresa ou sua posição no mercado, pode ser desafiador com o FCD, já que esses elementos muitas vezes não estão diretamente refletidos nos fluxos de caixa.

Como interpretar os resultados após o cálculo do FCD?

A interpretação dos resultados após o cálculo do fluxo de caixa descontado é fundamental para a tomada de decisões financeiras mais acertadas. Um Valor Presente Líquido (VPL) positivo indica que o investimento tem potencial para gerar retorno acima da taxa de desconto escolhida, sugerindo viabilidade financeira. 

Por outro lado, um VPL negativo sugere que o investimento pode não ser atrativo nas condições atuais. Além disso, a análise de sensibilidade pode ser crucial, permitindo avaliar como variações nas projeções de fluxo de caixa e na taxa de desconto afetam os resultados

No contexto do FCD, é crucial considerar os pressupostos subjacentes, como a qualidade das estimativas, a estabilidade das condições de mercado e a natureza do investimento, para uma interpretação holística e robusta dos resultados.

Como vimos ao longo desta leitura, o FCD é uma ferramenta poderosa para análise financeira, sendo importante reconhecer suas limitações e considerar outros fatores e métodos complementares ao tomar decisões estratégicas e de investimento. A aplicação cuidadosa do FCD, em conjunto com uma compreensão abrangente do contexto empresarial, pode melhorar a qualidade das decisões tomadas.

Se você gostou deste artigo sobre fluxo de caixa descontado, siga-nos no Facebook e Instagram para acompanhar mais conteúdos como este!

Últimos posts

ebook-difal
banner-artigos-carga-tributaria-brasileira
Não perca mais nenhuma novidade!

Cadastre-se na nossa newsletter e fique por dentro das novidades!