Liderança situacional: saiba o que é e como pode ser colocada em prática

Liderança situacional: saiba o que é e como pode ser colocada em prática
4 minutos de leitura

Ter líderes que ajudem o negócio a avançar e alcançar bons resultados é essencial para sua empresa obter sucesso a longo prazo. Nesse sentido, aplicar a teoria da liderança situacional pode ser uma boa estratégia para o seu negócio. Por meio desse conceito é possível obter vários benefícios.

A partir dessa ideia você consegue melhorar o clima organizacional, criar relacionamentos saudáveis na empresa e otimizar o desempenho de todos os membros da sua equipe. Se você quer aprender mais sobre essa metodologia e compreender como ela pode ser aplicada em sua organização, continue a leitura e confira o conteúdo que preparamos especialmente para você!

O que é liderança situacional?

O conceito de liderança situacional consiste na liderança que é moldada de acordo com a variação das situações apresentadas, ou seja, o líder tem a capacidade de adequar-se ao momento, conduzindo de forma efetiva seus colaboradores para que reajam positivamente, deem o seu melhor e alcancem os resultados esperados, de acordo com o contexto vivido.

Essa teoria foi elaborada por Ken Blanchard e Paul Hersey em 1969 e nela os autores entendiam que uma pessoa exercendo o papel de líder consegue adaptar o comportamento de acordo com seu nível de maturidade na profissão.

Além disso, podem existir colaboradores com diferentes estilos de liderar e não há um tipo de liderança mais adequado que o outro. Ou seja, a forma adequada de exercer o papel de líder depende muito da situação que se coloca à frente da pessoa e como ela lida com esse acontecimento.

Como colocar a liderança situacional em prática?

Agora que você já sabe qual é o conceito de liderança situacional, que tal aprender um pouco mais sobre como colocar esse método em prática? Preparamos um guia com os estilos de liderança situacional e como eles podem ser adequadas às situações que ocorrem na organização empresarial. Entenda mais a seguir!

Direcionamento

Para aplicar esse estilo de liderança na empresa, o líder tem a tarefa de informar os colaboradores o que eles precisam realizar e de que forma devem desempenhar a tarefa. Dessa maneira, os membros do time necessitam ter pleno entendimento do que é necessário fazer e o líder vai ter que acompanhar a atividade do início ao fim. Assim, o colaborador só terá mais autonomia quando conquistar a confiança de seu superior.

Orientação

O próximo nível é onde o líder dispõe aos seus liderados apenas uma orientação, dando maior liberdade para desenvolver a atividade. Além disso, há um acompanhamento das atividades com fornecimento de um feedback para dar um direcionamento do que pode ser melhorado. Nesse sentido, o poder final de decisão fica a cargo do líder, mas há um maior envolvimento da equipe no decorrer do trabalho.

Apoio

Nesse novo estágio de liderança situacional, o líder deve desempenhar um papel motivador e facilitador. Assim, os colaboradores têm ainda mais autonomia, encorajados a participar de forma ativa, discutindo e analisando os cenários da empresa para buscar otimizar a produtividade e os resultados. Ou seja, nesse sentido o funcionário tem maior participação e pode se sentir mais valorizado na empresa.

Compartilhamento de responsabilidade

Ao implementar esse estilo de liderança situacional, você proporciona ao colaborador mais responsabilidade e poder decisório, fazendo com que se desenvolva na empresa e consiga gerar resultados expressivos. Nesse sentido, o papel do líder é delegar responsabilidades e estar disponível para auxiliar em situações esporádicas. Isso é possível pelo grau de maturidade e capacidade que os membros da equipe alcançaram.

Quais são os benefícios de aplicar a liderança situacional?

Ao adotar algum dos estilos de liderança situacional na empresa, você pode colher diversos frutos e ver seu time crescer e se desenvolver, desempenhando um papel cada vez mais relevante na instituição. Entenda agora quais são as vantagens de aplicar essa teoria em sua organização.

Melhora o relacionamento com a equipe

Ao adotar a liderança situcional, você consegue se aproximar dos seus liderados e ainda ajuda no desenvolvimento profissional deles. Além disso, cria um relacionamento mais aberto e possibilita que eles ofereçam diversas soluções para potenciais problemas que venham a surgir.

Além disso, toda a equipe se engaja para atingir as metas estabelecidas e trabalham em conjunto com você para alcançar o melhor para a empresa. Portanto, se você deseja realmente formar um time com seus colaboradores, cogitar a liderança situacional pode ser uma boa alternativa.

Otimiza a comunicação

Um líder que adota esse tipo de liderança alcança maior conhecimento sobre os membros da equipe, o que lhe permite estabelecer o tom em que deve se comunicar e quais são os canais que proporcionam maior fluidez.

Com isso, todos os potenciais ruídos são extintos, proporcionando clareza em relação às direções e ações a serem adotadas para assegurar um bom desempenho nas tarefas para otimizar os resultados da organização. Além disso, com o melhor relacionamento conquistado, é possível criar uma cultura de feedback de forma a ganhar eficiência no negócio.

Fortalece o clima organizacional

Ter um clima organizacional agradável é importante para manter a motivação dos colaboradores e assegurar que o dia a dia do negócio ocorra de forma tranquila. E com a liderança situacional isso é alcançado.

Como você e seus colaboradores falam a mesma língua e tem bem estabelecido como cada um deve atuar, toda a insegurança e medo se dissipam no ambiente de sua empresa, restando apenas harmonia e cooperação para obter bons resultados e crescimento.

Torna a equipe mais resiliente

Por meio de uma postura mais flexível de liderança a equipe se torna resiliente frente a qualquer adversidade que apareça no dia a dia. Assim, com a colaboração de todos os membros do time, os líderes podem definir quais abordagens adequadas e seguir com o suporte dos demais rumo a uma solução adequada para o problema.

A liderança situacional cumpre um importante papel na corporação ao permitir que os gestores façam as devidas considerações e escolham as abordagens mais eficientes, sem considerar nenhuma abordagem previamente estabelecida. Isso reduz drasticamente a burocracia interna e oferece uma grande transformação em termos de dinâmica e agilidade na tramitação de qualquer projeto interno.

Viu como é importante incluir recursos inovadores no dia a dia de sua empresa? Então conheça mais sobre a Fortes acessando nosso site, clique aqui.

Últimos posts 👇