Gestão de transporte Gestão financeira

Problemas em seu estoque? Conheça a Curva ABC e saiba como funciona

Problemas em seu estoque? Conheça a Curva ABC e saiba como funciona 1
Atualizado em: 29/05/2017 Tempo estimado de leitura: 2 minutos

Você consegue identificar quais os produtos mais estratégicos e que saem mais da sua loja? Se não souber responder, saiba que você não é o único. Muitas empresas, das mais estruturadas ou as de pequeno porte, tem dificuldades em montar seu estoque, baseando-se somente na expertise de um funcionário.

Ter uma ferramenta para mapear corretamente seus produtos mais destacados e vendidos, identificando os que trazem melhores resultado, é primordial para o sucesso da empresa.

Quer garantir o sucesso do seu negócio organizando melhor seu estoque? Conheça mais do método de Curva ABC que destacamos nesta matéria:

Curva ABC

A Curva ABC é uma ferramenta gerencial que auxilia a identificação dos itens que necessitam de uma “atenção” especial do gestor, é um método de classificação de informações, para que se separem os itens de maior importância ou impacto, os quais são normalmente em menor número.

Classificação da curva:

  • Classe A : Itens que possuem alto valor de demanda ou consumo;
  • Classe B : Itens que possuem um valor de demanda ou consumo intermediário;
  • Classe C: Itens que possuem um valor de demanda ou consumo baixo. 

Os parâmetros acima não são regras fixas, pois podem variar de empresa para empresa nos percentuais descritos. A definição das classes A, B e C obedece apenas a critérios de bom senso e conveniência dos controles a serem estabelecidos onde são definidos pelo gestor

Independente da aplicação da curva,  seu resultado será sempre o de classificar de maneira fácil os melhores, intermediários e não tão bem usados meios de produção/execução.

Uma análise ABC deve obrigatoriamente refletir a dificuldade de controle de um item e o impacto deste item sobre os custos e a rentabilidade da empresa.

É uma importante ferramenta para a administração, pois possibilita também informações estratégicas para a realização de compra de mercadorias, se está na hora de fazer a exclusão de alguns item e assim reduzir estoque, dentre outras formas de controles.

A utilização da Curva ABC

O uso mais comum da curva ABC se dá na gestão de estoque, a fim de realizar um controle mais detalhado dos produtos em estoque e, também, buscar a redução de custos sem comprometer o nível de atendimento ao cliente.

A curva ABC pode ser usada em outras partes da empresa como: serve para identificar os melhores fornecedores, os melhores cliente entre muitos outros.

Como analisar a Curva ABC

Neste caso, normalmente, os primeiros 20% dos itens da lista serão responsáveis por aproximadamente 80% da margem de lucro da empresa. Para uma empresa com uma lista de ações de 100 itens diferentes, isto significa que devemos prestar mais atenção para os 20 itens que vão ser responsáveis pela lucratividade.

Os próximos 40% dos itens, geralmente representar 15% de lucratividade. Estes podem ter uma atenção geral da empresa mais reduzida, se comparados aos anteriores. Porém, exigem uma boa análise por parte dos planejadores.

Os últimos 40% ,  existe pouco giro e pouca margem, são responsáveis por apenas 5% da lucratividade  e podem ser gerenciados com um nível mais baixo de atenção.

Gestor, você já trabalhou com esta ferramenta? Não deixe de utilizar a Curva ABC em nosso sistema Fortes Compras e Estoque, e gerencie ainda melhor o seu produto!

Fortes_Tecnologia_Banner_Fluxo_de_CaixaPowered by Rock Convert

Sobre o autor

Geordânia Oliveira

Graduada em Administração de Empresas; Especialização em Gestão de Pessoas; MBA em Controladoria e Finanças; Com experiência 14 anos na área financeira; Consultora de Conhecimento Financeiro e Gestão de Estoque na Fortes Tecnologia em Sistemas; Produtora de Conteúdo sobre assuntos Financeiros; Instrutora do Fortes na Prática Presencial e Web; Instrutora dos Treinamentos dos Sistemas Fortes Financeiro e Fortes Compras e Estoque para os Colaboradores Internos, Clientes e Unidades da Fortes Tecnologia.

Deixar comentário.

Compartilhar