Gestão e Negócios

Missão, visão e valores: por que são tão importantes para uma empresa?

fortes-tecnologia-missao-visao-valores.png
Escrito por Fortes Tecnologia
Atualizado em: 25/02/2019 Tempo estimado de leitura: 6 minutos

A administração é uma disciplina repleta de ferramentas e estratégias que direcionam a empresa para o caminho mais vantajoso ao seu desenvolvimento. Os instrumentos basilares que estruturarão a empresa, bem como servirão de base para a tomada de decisão dos gestores são a missão, visão e valores.

Esses elementos são os pontos de partida para desenvolvimento de estratégias, determinação de objetivos, posicionamento no mercado entre outros aspectos fundamentais para a criação de uma organização sólida, com comportamento definido e uma boa imagem perante o mercado.

Como se trata de um assunto excepcionalmente relevante para o crescimento de qualquer empresa, elaboramos o presente artigo com o objetivo de ajudar nossos leitores a entender melhor a importância desses pilares para sua empresa. Boa leitura!

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Powered by Rock Convert

O que são missão, visão e valores?

As três terminologias têm a finalidade de moldar a identidade da empresa, criando referências que ditarão seu comportamento no mercado, como será visualizada por concorrentes e parceiros, como também a forma que será identificada pelos clientes.

A identidade da organização é composta por duas vertentes diferentes: a cultura e a filosofia corporativa. O primeiro termo está relacionado ao conjunto de referências e normas de conduta que são seguidos pelos colaboradores.

Já a filosofia corporativa compreende na aplicação missão, os valores e a visão, elas são minuciosamente construídas pelos gestores de alto nível de uma organização, com a finalidade de colocá-los como pilares para a serem seguidos pelos colaboradores de todos os departamentos.

Para se aprofundar no tema, confira nos tópicos seguintes o conceito desses termos e exemplos de cada um deles aplicados em empresas reais.

Missão

Consiste na razão pela qual a organização existe, ela expõe o papel que ela desempenha na sociedade e no mercado. A empresa que não sabe por qual motivo ela existe, também não será capaz de definir uma estratégia de crescimento, pois seus objetivos não estão claros.

Para criar a missão, é preciso identificar de forma objetiva todas as propostas de valor que a companhia pretende entregar. Aqui não são definidos apenas os produtos ou serviços que pretendem comercializar, mas como pretende impactar a vida do seu público-alvo.

É importante que a missão seja desafiadora e inspiradora, assim você conseguirá criar um engajamento maior com seus parceiros e colaboradores para levar um benefício cada vez maiores ao público-alvo, além disso, ela deve ser curta para ser facilmente lembrada por aqueles.

Observe que ele funciona como uma crença que orienta as ações de todos aqueles relacionados com a organização. Visualize a seguir empresas referências em seus mercados e suas respectivas missões:

  • Grupo Pão de Açúcar: garantir a melhor experiência de compra para todos os nossos clientes, em cada uma de nossas lojas;

  • Adidas: ser a marca líder mundial em artigos de esportes;

  • Lupo: ser um time obstinado em prever e atender as necessidades dos clientes e consumidores sempre agregando valores;

  • Vale: transformar recursos naturais em prosperidade e desenvolvimento sustentável.

Visão

Representa os objetivos que serão alcançados a longo prazo. Aqui os gestores precisam indicar a posição que desejam conquistar no mercado nos próximos anos. Faz-se necessário esclarecer tanto a aspiração quanto a inspiração corporativa.

A aspiração corresponde aos desejos que podem ser alcançados de forma objetiva e direta, como um aumento da influência da empresa na região. Na vertente de inspiração, relaciona-se com íntimo do seu público-alvo, como a criação de um sentimento de paixão pela marca. Veja alguns exemplos reais de visões:

  • Grupo pão de açúcar: Ampliar a participação no mercado brasileiro de varejo e tornar-se a empresa mais admirada por sua rentabilidade, inovação, eficiência, responsabilidade social e contribuição para o desenvolvimento do Brasil;

  • Adidas: nossa paixão por esportes faz do mundo um lugar melhor;

  • Lupo: ser marca líder e inspirar paixão em quem produz e em quem usa;

  • Vale: ser a empresa de recursos naturais, global e número um em criação de valor a longo prazo com excelência, paixão pelas pessoas e pelo planeta.

Valores

Os valores são os princípios éticos e crenças que ditam o comportamento da empresa enquanto os colaboradores trabalham para alcançar a visão. Eles formam uma lista de qualidades que definem a personalidade da empresa e orientam as atitudes de qualquer envolvido na empresa, desde os gestores até operacionais.

Também é possível aplicar a lista de valores nos processos seletivos para identificar os colaboradores cujos perfis são mais adequados para empresa, como também para definir critérios de promoção. Alguns exemplos são:

  • Grupo pão de açúcar: humildade; disciplina; equilíbrio emocional; determinação e garra;

  • Adidas: apaixonados; autênticos; comprometidos; honestos; inovadores e inspiradores;

  • Lupo: honestidade; respeito e dedicação;

  • Vale: vida em primeiro lugar; cuidar do nosso planeta; crescer e evoluir juntos; valorizar quem faz a nossa empresa; agir de forma correta e fazer acontecer.

Como eles influenciam no planejamento estratégico?

O planejamento estratégico consiste no conjunto de mecanismos e processos metodológicos que definem o estabelecimento de metas, a alocação de recursos, tomada de decisões e investimentos com a finalidade de alcançar os objetivos da empresa e, consequentemente, seu sucesso comercial.

São diferentes ferramentas que podem ser utilizadas ou não no processo, como a análise PEST, matriz SWOT, planejamento de cenários e balanced scorecards. Independente delas, o plano deve seguir as seguintes etapas para ser bem-sucedido:

  • definição das crenças e valores do negócio (missão) e da direção corporativa;

  • análise do ambiente externo e interno;

  • visão de futuro e objetivos do negócio; direção das unidades de negócio;

  • formulação de estratégias nível corporativo, de processos e funcional.

Observa-se que a missão é um componente basilar para todo o planejamento, como também que a visão está presente para direcionar o futuro da empresa e no estabelecimento de seus objetivos. Por fim os valores têm aplicação mais prática e ditam a rotina dos colaboradores e líderes da empresa.

Conclui-se que esses elementos são fundamentais para a elaboração do planejamento estratégico, para criação de objetivos e manutenção da longevidade da organização.

Quais são os pontos necessários para elaborá-los?

Ao elaborar a missão, a visão e os valores, é necessário que elas respondam determinadas perguntas. Veja os pontos de cada um deles abaixo.

Missão

  • “O que faz?”: atividade principal da empresa;

  • “Para quem faz?”: o público que deseja atingir;

  • “Qual a sua finalidade?”: o que pretende atingir com sua atividade;

  • “Como e onde é feito?”: como de realização das atividades;

  • “Qual a sua responsabilidade social?”: quais são os impactos na vida dos clientes.

Visão

  • “Como a organização se vê a longo prazo e onde pretende chegar?”: objetivos a longo prazo, que são aqueles a serem atingidos em 5 anos ou mais;

  • “O que pretende alcançar?”: que fim pretende atingir ao completar seus objetivos;

  • “Qual tipo de produto oferecerá?”: serviços e produtos no futuro;

  • “Como deseja ser vista por clientes e parceiros?”: a imagem de mercado que deseja alcançar.

Valores

  • “Como os colaboradores devem se portar?”: qualidades dos funcionários;

  • “Como os empregados se relacionam entre si?”: ambiente de trabalho e clima organizacional dos funcionários;

  • “Como a empresa se relaciona com os clientes?”: forma de atendimento com os clientes;

  • “Como a empresa faz negócios?”: relacionamento da empresa com parceiros e aliados.

Estabelecimento da missão, visão e valores são fundamentais para a sobrevivência e desenvolvimento de qualquer organização, pois será a partir desses elementos que será formada sua identidade visual e estruturado seu planejamento estratégico

Você pode aprender muito com as gigantes do mercado. Veja aqui 4 aprendizados para sua empresa que podem ser adquiridos com a cultura organizacional do Google!

Sobre o autor

Fortes Tecnologia

Deixar comentário.

Compartilhar