Gestão contábil

Descubra como o machine learning impacta a contabilidade

descubra-como-o-machine-learning-impacta-contabilidade
Escrito por Fortes Tecnologia

Você ainda realiza processos manuais no seu escritório ou já começou a investir em tecnologia? O machine learning promete mudar a forma de atuação dos profissionais contábeis, levando mais agilidade aos processos e diminuindo os erros nas operações. Tenha em mente que o mercado muda constantemente e quem não se adapta acaba “morrendo na praia”.

Contudo, os contadores terão que se acostumar com essa nova realidade, que alia a inteligência das máquinas com a dos seres humanos.  Você está preparado para isso? Ainda não? Entenda como a tecnologia vai mudar a sua rotina e saiba como tirar proveito dela!

O que é machine learning?

O machine learning significa aprendizado da máquina. É a capacidade que um equipamento tecnológico tem de analisar dados, reconhecer padrões e executar ações por conta própria. Ele é uma vertente da inteligência artificial, pois a máquina é capaz de tomar decisões baseadas em dados.

O aprendizado do equipamento pode acontecer de três principais maneiras: supervisionado, não-supervisionado e semi-supervisionado. Vamos às definições de cada uma:

Supervisionado

O programa é treinado e utiliza dados e algoritmos previamente definidos como “certos” ou “errados”. Com base nisso, ele poderá tomar decisões assim que surgir uma nova informação semelhante.

Não-supervisionado

Esse método não faz uma rotulação prévia sobre determinadas informações. A máquina deverá descobrir, por conta própria, a estrutura dos algoritmos e encontrar padrões nos dados.

Semi-supervisionado

Os algoritmos da máquina fazem a entrada e possuem uma saída definida. Por meio de tentativa e erro ela descobrirá quais ações são as melhores a serem tomadas. Essa é uma prática muito utilizada em jogos e robótica.

O termo se originou em 1956, durante uma conferência no Dartmouth College, Estados Unidos. Naquele momento, John McCarthy citou o termo inteligência artificial para tratar da habilidade da engenharia construir equipamentos inteligentes.

O tempo passou e os termos foram ganhando cada vez mais significado na sociedade. Hoje, já é possível acompanhar algumas aplicações dessa tecnologia. Muitas já estão em uso pela população ou em testes no mercado:

  • carros do Google que se movem sozinhos;

  • indicações de ofertas da Amazon e da Netflix de acordo com o perfil do cliente;

  • acompanhamento sobre o que os clientes falam de uma empresa nas redes sociais.

Como os profissionais e o escritório podem tirar proveito do machine learning?

A tecnologia já está mudando a forma de fazer contabilidade e pode contribuir muito com a tomada de decisões mais estratégicas. As soluções que começaram a ser desenvolvidas com base na inteligência das máquinas transformarão a forma de atuação dos profissionais de contabilidade.

Eles deixarão de exercer tarefas burocráticas, como lançamentos contábeis e escriturações, para assumirem atividades mais complexas como a análise de números e resultados. O profissional será capaz de criar relatórios contábeis financeiros que agregarão mais valor ao cliente e à gestão de sua empresa.

Os contadores terão que se reinventar e buscar novas capacitações para conseguirem se manter no mercado. Vale lembrar que algumas atividades as máquinas não são capazes de fazer de maneira eficiente como: negociação, relacionamento humano e a tomada de decisões que avaliam amplas perspectivas.

Os humanos precisarão se adequar às atividades que as máquinas realizam e saber extrair o melhor dessa união de inteligência. Algumas tarefas já estão em fase de testes e, em breve, devem começar a integrar as atividades dos escritórios contábeis. Conheça algumas delas:

  • cálculo de tributos;

  • classificação de documentos fiscais;

  • identificação do comportamento dos indicadores de resultados.

É interessante considerar que essas novas soluções poderão proporcionar muito mais eficiência para o escritório contábil. Os profissionais não precisarão se preocupar tanto com as constantes mudanças tributárias, uma vez que os softwares poderão se atualizar rapidamente sobre essas questões.

Logo, a tecnologia será uma parceira dos profissionais contábeis, ajudando a evitar riscos e multas para os clientes.

Como as soluções atuais contribuem com os escritórios?

Atualmente, já há soluções que fazem a automação de algumas atividades para permitir que o contador possa se dedicar às demandas que as máquinas ainda não conseguem fazer. Entre as tarefas que podem ser otimizadas com as ferramentas estão:

  • lançamento de notas fiscais;

  • conciliação bancária;

  • automação de processos internos;

  • detecção de riscos tributários e trabalhistas;

  • importação automática de arquivos.

Muitos sistemas poderão ser integrados com os órgãos governamentais, aplicativos de e-mail ou com soluções como a “Siri” do iPhone. Imagine, por exemplo, você receber um aviso do seu smartphone “Olá! Hoje é dia de fechar a folha de pagamento. Não se esqueça”!

Também será possível investir em ferramentas para automatizar o atendimento mais básico ao cliente. Algumas interações do cotidiano poderão ser feitas por meio da comunicação online com o uso de chatbots, por exemplo. Ele dá agilidade à resolução de problemas simples e que tomariam muito tempo da equipe.

O que parece improvável hoje será a realidade daqui a pouco tempo. Afinal, a tecnologia oferecerá muitas vantagens para o perfil do novo contador como:

  • tempo para se dedicar à gestão estratégica;

  • atendimento personalizado e focado na satisfação do cliente;

  • realização de trabalhos consultivos e segmentados;

  • desempenho de estratégias para realizar vendas e conquistar clientes.

Como se preparar para essa revolução no mercado?

O profissional ou escritório contábil que não se adaptar a essa união da tecnologia com os seres humanos, correrá o risco de ter processos obsoletos e perder clientes. Por isso, é recomendável que os contadores comecem a se preparar para essa nova realidade.

O ideal é participar de cursos da área contábil, acompanhar as notícias sobre tecnologia e participar de eventos com os lançamentos das novas ferramentas. Quanto antes o profissional investir em capacitação e implantação das soluções tecnológicas em sua empresa, mais fácil será a adaptação dos colaboradores para o uso delas.

Além do mais, isso possibilita a ampliação de serviços por parte do escritório contábil. Em vez de realizar apenas tarefas simples do dia a dia, o profissional poderá ser tornar um verdadeiro parceiro de seus clientes com algumas ações:

  • fazer análises financeiras;

  • sugerir mudanças na gestão dos negócios;

  • promover o treinamento das equipes;                                                      

  • oferecer consultorias e apresentar novas oportunidades de investimento.

Percebeu como o machine learning já está presente no seu dia a dia? Não corra o risco de ficar para trás! Busque se capacitar na área e invista em tecnologia.

Este artigo trouxe informações úteis para você? Compartilhe-o em suas redes sociais e ajude outros profissionais da área!

Checklist eSocial Banner Blog Fortes Tecnologia

Sobre o autor

Fortes Tecnologia

Deixar comentário.

Compartilhar