Gestão contábil

DCTFWeb: Governo Federal faz a liberação do ambiente de testes

fortes-tecnoloigia-dctfweb-liberacao-do-ambiente-de-testes
Escrito por Eliane César
Publicado em: 30/04/2018 Tempo estimado de leitura: 3 minutos

“A partir do dia 8 de maio de 2018, vai estar disponível para testes, em ambiente de produção restrita, a Declaração de Débitos e Créditos Tributários Federais Previdenciários e de Outras Entidades e Fundos (DCTFWeb).  A nova declaração substituirá a Guia de Recolhimento do FGTS e Informações à Previdência Social (GFIP) como instrumento de confissão de débitos previdenciários e de terceiros, conforme o disposto no art. 13 da IN RFB nº 1.787, de 7 de fevereiro de 2018.”

Os testes podem ser realizados por qualquer interessado que possua Webservices para envio dos eventos do eSocial e da EFD-Reinf em ambiente de produção restrita. Além disso, não é necessário realizar nenhum cadastro prévio para acessar a aplicação.

Com a liberação, as empresas já podem validar a adequação de seus sistemas para transmissão de informações à EFD-Reinf nos leiautes estabelecidos. O EFD-Reinf será obrigatório em janeiro de 2018 para as empresas com faturamento superior a R$78 milhões e em julho de 2018 para as demais, ou seja, junto com o eSocial.

Conheça mais sobre os prazos de entrega e obrigatoriedade do EFD Reinf.

O que é a DCTF Web?

A nova declaração substituirá a Guia de Recolhimento do FGTS e Informações à Previdência Social (GFIP) como instrumento de confissão de débitos previdenciários e de terceiros, conforme o disposto no art. 13 da IN RFB nº 1.787, de 7 de fevereiro de 2018.  

A partir das informações prestadas nas escriturações do Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas (eSocial) e/ou da Escrituração Fiscal Digital de Retenções e Outras Informações Fiscais (EFD-Reinf), módulos integrantes do Sistema Público de Escrituração Digital (Sped), as informações já serão elaboradas automaticamente para a DCTFWeb.

Qual prazo de entrega?

  • A partir do mês de julho de 2018:

    Para as entidades integrantes do “Grupo 2 – Entidades Empresariais”, do Anexo V da Instrução Normativa RFB nº 1.634, de 6 de maio de 2016, com faturamento no ano-calendário de 2016 acima de R$ 78.000.000,00 (setenta e oito milhões de reais);

  • A partir do mês de janeiro de 2019:

    Para os demais sujeitos passivos, exceto os entes públicos integrantes do “Grupo 1 – Administração Pública”. 

  • A partir do mês de julho de 2019:

    Para os entes públicos integrantes do “Grupo 1 – Administração Pública”, do Anexo V da Instrução Normativa RFB nº 1.634, de 2016.

Como acessar o ambiente de testes?

O sistema será acessado pelo portal e-CAC no ambiente de produção restrita, disponível no sítio da RFB. Após efetuar o login, deve-se clicar em “Declarações e Demonstrativos” e na sequência em “Acessar o sistema DCTFWEB”.

Os testes podem ser realizados por qualquer interessado que possua Webservices para envio dos eventos do eSocial e da EFD-Reinf em ambiente de produção restrita. Além disso, não é necessário realizar nenhum cadastro prévio para acessar a aplicação. 

O sistema DCTFWeb é compatível com os navegadores nas seguintes versões: Google Chrome 62-65, Firefox 52 e Internet Explorer 11.

Conforme orientação da Receita Federal, os erros que porventura acontecerem deverão ser reportados por meio do Fale Conosco do eSocial, com o assunto “Integração com a DCTFWeb” ou do Fale Conosco da EFD-Reinf no assunto “Integração da EFD-Reinf com a DCTFWeb”.

Guia Completo do EFD-Reinf

Se você quiser se aprofundar mais no assunto, indico que baixe gratuitamente o nosso eBook Guia da EFD-Reinf. Além de conceitos básicos, ele traz as mudanças que ocorrerão na sua empresa e como a tecnologia pode ajudar os profissionais contábeis. 

 

Baixe o checklist e saiba como ser um consultor contador!Powered by Rock Convert

Sobre o autor

Eliane César

Gerente de Produto nas áreas Fiscal, Contábil e Patrimônio na Fortes Tecnologia. Contadora. Especialista em Gestão e Planejamento Tributário pela Faculdade 7 de setembro. Bacharel em Ciências Contábeis pela Faculdade Piauiense. Representante da Fortes Tecnologia no Grupo de Trabalho Piloto do projeto SPED. Membro da Comissão Técnica do SPED do CRC/CE.

Deixar comentário.

Compartilhar