Gestão contábil

Contabilidade gerencial: o que é e como colocar em prática?

contabilidade-gerencial-o-que-e-e-como-colocar-em-pratica
Escrito por Fortes Tecnologia
Atualizado em: 11/06/2020 Tempo estimado de leitura: 11 minutos

Está sem tempo para ler? Clique no play para ouvir o conteúdo.

A contabilidade gerencial é peça essencial em toda empresa, afinal, além de englobar aspectos da contabilidade financeira, ela permite que você conheça com mais profundidade o cenário econômico da sua empresa.

O trabalho tem um papel essencial na tomada de decisões e garante  mais tranquilidade e segurança aos empresários e gestores em geral, já que fica mais fácil definir onde investir, onde cortar despesas e como administrar a empresa como um todo.

Diante disso, se você ainda não sabe como esse serviço funciona, leia o post com calma. Vamos apresentar o conceito de contabilidade gerencial, explicar as vantagens, mostrar porque ele é diferente da tradicional contabilidade financeira e apresentar algumas estratégias para que você passe a utilizar na sua empresa.

Com toda certeza vai valer a pena e você colherá os frutos. Confira:

O que é contabilidade gerencial?

A contabilidade gerencial é composta por uma reunião de procedimentos contábeis que tem a finalidade de reunir informações importantes sobre a empresa e contribuir com as tomadas de decisões.

Para isso, dados obtidos por meio da contabilidade financeira são analisados em conjunto com informações sobre custos e orçamentos, buscando uma definição sobre os preços a serem cobrados, as metas a serem alcançadas e muitos mais.

Além disso, a contabilidade gerencial também permite uma análise da sua empresa em comparação com as concorrentes do mercado, o que é importante para que você perceba com clareza em qual ponto está, quais os principais desafios, quais as tendências do negócio e como ele pode ser projetado.

O interessante é que como ela analisa aspectos internos e externos, é possível que você encontre ferramentas de gestão e administração mais modernas, mude o que não está funcionando bem e expanda o foco de clientes e de mercado.

Qual a importância da contabilidade gerencial?

A contabilidade gerencial é uma ferramenta que permite que a gestão de um negócio seja capaz de enxergar melhor a verdade por trás dos números da empresa. Mesmo quem não é leigo, tem dificuldade para interpretar o que exatamente significam os resultados em um balanço patrimonial ou qualquer outro tipo de demonstração contábil.

A importância da contabilidade é entender não apenas o que mas o porquê dos resultados. Por mais que um lucro alto possa soar como um resultado positivo, nem sempre isso se prova absolutamente verdadeiro.

Se o número for investigado a fundo e comparado com outros dados, pode significar que o custo de produção foi, excepcionalmente, baixo devido a uma sazonalidade no valor de mercado de uma matéria-prima que não se repetirá tão cedo e a oportunidade foi mal-aproveitada, limitada pela baixa capacidade produtiva de um negócio.

Da mesma forma, números negativos no fim do ano nem sempre são más notícias, ainda mais se representarem investimentos elevados que vão se pagar com resultados bem melhores nos ciclos seguintes.

A contabilidade gerencial é, portanto, crucial para o planejamento e controle de uma empresa. A informação obtida e lapidada pela equipe contábil pode orientar as decisões que moldarão o futuro do negócio e servir como base para a avaliação e aprendizado com os erros do passado.

Em muitas organizações o papel de interpretar os dados contábeis para a criação de metas, alocamento de recursos e mensuração do desempenho financeiro ficam a cargo do Controlador ou Controller, um profissional com ampla experiência em contabilidade gerencial e capaz de expressar para os demais gestores o que está por detrás dos números da empresa.

Com isso, a contabilidade gerencial se torna uma fonte de informações de alta credibilidade e objetividade que podem aumentar o conhecimento sobre a própria empresa, seu negócio e seu mercado, minimizando os riscos do processo de tomada de decisões.

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Powered by Rock Convert

Quais as diferenças entre a contabilidade gerencial e a financeira?

A contabilidade financeira é aquela que todos nós já conhecemos: ela se preocupa com a legislação tributária, com a pontualidade no pagamento dos impostos em geral, com a redução dos gastos etc.

A contabilidade gerencial, por sua vez, tem o objetivo de organizar o funcionamento interno da sua empresa, permitindo que você tenha um serviço mais eficiente e com maior qualidade. O trabalho, portanto, é voltado para as suas necessidades. É um trabalho individual, pensado e construído diariamente.

Podemos dizer, então, que enquanto a contabilidade financeira fica atenta às leis, aos prazos e às regras gerais de tributação, a gerencial pensa em estratégias exclusivas para facilitar a sua rotina, organizar as suas tarefas e otimizar os seus lucros.

É importante ressaltar que uma não exclui a outra. Pelo contrário, é essencial que elas caminhem juntas.

Isto porque, enquanto a contabilidade financeira estiver cumprindo prazos e organizando os seus documentos, a gerencial complementará esse serviço e pensando em ações que surtam efeitos positivos a longo prazo.

Você também vai gostar destes conteúdos 👇
📌 Contabilidade digital: como se preparar para a realidade?
📌 4 fases importantes no relacionamento com seu o contador
📌 Compliance digital: a importância para o escritório contábil?

Quais as vantagens de contratar um serviço de contabilidade gerencial?

Ao contratar profissionais especializados em contabilidade gerencial, a empresa amplia sua capacidade de analisar estratégias que aumentem a produtividade e reduzam os custos, além de ser capaz de tomar decisões com mais segurança. Vale a pena listar e entender melhor como isso se desdobra na estrutura organizacional:

Aumentar a produtividade 

Mesmo antes de pensar em aumentar a produtividade de uma empresa, a gestão precisa antes entender se os investimentos feitos nesta direção serão futuramente recompensados com resultados melhores.

Com a contabilidade gerencial é possível avaliar essa questão de forma matemática e objetiva, para então saber se a conta fecha ou não. Quando for necessário ou vantajoso uma produtividade maior, também é interessante se valer dos insights produzidos pela contabilidade gerencial.

Dados corretamente avaliados podem servir para embasar ou refutar teorias da gestão sobre as formas de maximização da produtividade. Muitas vezes é mais efetivo investir em capacitações do time do que contratar mais, por exemplo. Da mesma forma, a compra de novos equipamentos pode ser uma decisão menos interessante do que uma boa manutenção nos atuais.

Reduzir custos

Assim como acontece com a produtividade, a contabilidade gerencial também pode ser empregada como uma ferramenta para a redução de custos. Análises meticulosas das despesas e investimentos da empresa são capazes de revelar aqueles que se pagam e os que são apenas gastos desnecessários.

Mais do que reduzir custos, a contabilidade gerencial indica onde vale a pena cortar e onde a melhor decisão é investir mais.

Tomar decisões com mais segurança 

Uma gestão eficiente não tem recursos para desperdiçar com ‘achismos’ e intuição: para ter segurança em suas escolhas, o administrador de um negócio deve ter dados precisos que indiquem qual o caminho mais seguro a ser tomado.

A contabilidade gerencial entrega os números que possibilitam que o processo de tomada de decisões seja feito com menos riscos e mais acertos. Naturalmente, a chance de falha sempre existe, mas com as informações corretas ela é bem menor do que com a simples aleatoriedade de uma gestão desinformada.

Precificar produtos e serviços de forma estratégica 

É comum encontrar empreendedores de primeira viagem ou administradores sem uma base profissional sólida que acreditam que o principal fator por trás da composição do preço de um produto ou serviço é o seu custo para a empresa.

Mas, na maior parte das vezes, essa visão é um engano. Uma precificação estratégica leva em conta diversos outros fatores como a demanda, o perfil do consumidor, a concorrência e até mesmo a época do ano. 

Com os comparativos da contabilidade gerencial, é possível projetar e experimentar preços mais inteligentes, que vão trazer resultados melhores para o negócio no longo prazo.

Realizar uma gestão financeira eficiente

Por fim, a contabilidade gerencial está diretamente relacionada a uma gestão financeira eficiente. Os orçamentos de cada área da empresa serão melhor embasados com os números que expressam os resultados gerados por aquele investimento. Despesas e investimentos poderão ser melhor avaliados, assim como vendas e lucro.

A gestão financeira de uma empresa nunca é simples e tende a ficar mais complexa de acordo com o crescimento da organização. Mais inteligência nesses processos alivia um pouco da dificuldade do trabalho e possibilita resultados melhores, dentro e fora da planilhas.

Como potencializar a contabilidade gerencial no negócio?

Caso você tenha interesse na contabilidade gerencial, é importante observar as dicas a seguir para começar relevante.

Contrate um software de gestão integrada

Para o serviço caminhar bem é importante realizar um controle financeiro intenso, eficiente e registrar todas as movimentações de entrada e saída da empresa, por menores que elas sejam.

É importante ter em mente que para que o serviço seja realizado com perfeição, todos os gastos têm a mesma importância. Seja a compra de uma caneta ou o pagamento do aluguel mensal, tudo é relevante e tudo deve ser registrado.

Por ser assim, é essencial que você contrate um software de gestão integrada. Eles facilitam as ações e aumentam o controle, já que possibilitam que todas as informações fiquem reunidas em um só lugar.

Além disso, eles também contam com ferramentas gerenciais que controlam os índices contábeis, o fluxo de caixa, os orçamentos etc.

Entre as principais vantagens desses softwares podemos listar a segurança no armazenamento das informações e a redução da burocracia.

Isto porque, todas as informações registradas ficam armazenadas no sistema da nuvem, o que garante que você recupere cada uma delas em caso de falhas no sistema ou de invasão por terceiros mal-intencionados.

Além disso, com esses programas não será necessário organizar planilhas do Excel, digitalizar documentos, montar pastas, preparar arquivos, conferir relatórios manualmente etc. Tem coisa melhor?

Capacite a sua equipe

Faça reuniões constantes com a sua equipe e estimule o trabalho em conjunto e a adoção de postura estratégica diante das demandas.

Explique a importância do relacionamento direto com os contadores e deixe claro que se a empresa tiver êxito no mercado todos poderão melhorar e crescer juntos.

Crie processos que integrem os setores

Outra questão importante para o funcionamento da contabilidade gerencial é a integração entre os diversos setores da sua empresa e o escritório de contabilidade. Defina o fluxo de informação, estabeleça procedimentos internos e marque reuniões periódicas.

Lembre-se que para o serviço alcançar o objetivo é imprescindível que todos os problemas estejam delimitados e que os setores tenham uma boa comunicação entre si.

Só assim é possível pensar em estratégias corretas e adotar medidas eficazes para o crescimento empresarial.

Além disso, é importante ressaltar que essas ações, se realizadas conjuntamente, farão toda diferença na rotina da empresa, tornarão o ambiente de trabalho mais harmônico e deixarão os colaboradores mais satisfeitos.

Monte relatórios com os principais resultados

Pilhas de dados e planilhas intermináveis podem até conter tudo que a gestão precisa, mas o fato da informação estar ali nem sempre significa que ela está acessível e clara para o leitor. O que um contador experiente enxerga em um fluxo de caixa é muito diferente daquilo que o gestor operacional verá e, essa dissonância muitas vezes pode causar problemas para o negócio.

Por outro lado, relatórios objetivos, com uma boa apresentação e explicações claras sobre os números coletados podem ser ferramentas bem mais eficazes na hora de colocar todos na mesma página, possibilitando um trabalho em equipe melhor.

Profissionais da área de contabilidade gerencial podem formatar esse tipo de relatório e com isso interpretar dados brutos de uma forma que eles se tornem informações úteis para o processo de tomada de decisões na empresa.

Caminhe junto da tecnologia 

Por fim, é importante ressaltar que o mundo está se transformando. As tecnologias digitais a cada dia promovem uma nova revolução no mercado e a tendência é que essas mudanças aconteçam cada vez mais rápido.

É fundamental ter atenção nas tendências da área e caminhar junto da tecnologia, para não correr o risco de ficar para trás. O medo que alguns profissionais têm de que as máquinas roubem o seu trabalho não é algo infundado. Mas aquele que opera essas máquinas não ficará sem serviço tão cedo.

A tecnologia também tem um fator motivador para o time. Todo mundo quer trabalhar em uma empresa moderna, que investe em estratégias inteligentes e que utiliza a tecnologia a seu favor. A sensação é que as chances de sucesso e crescimento desse negócio são maiores, o que faz com que os profissionais queiram crescer junto dele.

A contabilidade gerencial certamente abrirá muitas possibilidades para o seu negócio, então não tenha medo de investir! Procure profissionais de confiança, converse, tire suas dúvidas e comece já a planejar seus investimentos futuros.

Gostou de saber mais sobre a contabilidade gerencial e a sua importância? Aproveite então para descobrir também quais a vantagens de um sistema gerencial de contabilidade e como escolher o melhor para você!

Sobre o autor

Fortes Tecnologia

1 comentário

Deixar comentário.

Compartilhar